quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

voyeur

oh, noitezinha:
só lhe reconhece a beleza
o talhe da vizinha



.:gabriel resende santos


(inaugurando a série de haikais)

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

indígenas II

os tupi-guaranás eram anfetaminados. pulavam, dançavam e bebiam feito loucos. faziam festas gigantes regadas a jurema, cauim e maracás fumegantes. lá, no meio da mata atlântica, dentro das ocas welcome to the jungle, foram realizadas as primeiras raves do novo mundo.

da série: nova história brasileira

.: marcio markendorf

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

indígenas I

os índios tupigambás recebiam esse nome por serem muito fedorentos - os únicos que não tomavam banhos diários de rio (modelo europeu, parisiense hodierno).

da série: nova história brasileira

.: marcio markendorf

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

salada de frutas



Só notou o engano quando sentiu o gosto artificial e levemente familiar da suposta pêra.

.:gabriel resende santos

em 1900 e 69:




ainda na cama, depois de acender o cigarro:
- porra meu, nessa posição fui até a lua e voltei.

.: marcio markendorf


quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

avenida



A flor crescia mais vermelha, linda e perfumada. Salva pelo olfato dos pneus.


.:gabriel resende santos

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

pós-apocalíptico



e eles vieram vindo, e eram muitos, todos com as bocas sangrentas.

.: marcio markendorf

sábado, 10 de dezembro de 2011

curso-relâmpago



Classe de voo aos domingos. 30 segundos de aula.


.:gabriel resende santos

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

assassinato





Depois da barbárie, vibrava. O crime manchara a limpidez da folha.

.:gabriel resende santos

alhures

Era o melhor capanga até dizer aquilo. Ninguém entendeu. O chefão fez o de praxe: mandou matar em outro lugar.


.:gabriel resende santos